AWS AMAZON ATHENA

Como funciona e O que é o Amazon Athena

O Amazon Athena é um serviço que permite que um analista de dados realize consultas interativas na nuvem pública da AWS em dados armazenados no S3Como o Athena é um serviço de consulta sem servidor, um analista não precisa gerenciar nenhuma infraestrutura de computação para usá-lo.

Também não há necessidade de carregar dados S3 no Amazon Athena ou transformá-los para análise, o que torna mais fácil e rápido para um analista obter insight. Um analista de dados acessa a Athena por meio do Console de gerenciamento da AWS, de uma interface de programação de aplicativos (API) ou de um driver de conexão JAVA.  Apenas defina o esquema e comece a executar consultas SQL nos dados do S3.

Um administrador pode gerenciar o acesso à Athena por meio das políticas de gerenciamento de identidades e acesso da AWS, listas de controle de acesso e políticas de bucket do Amazon S3. Um usuário do Athena pode consultar dados criptografados com chaves gerenciadas pelo AWS Key Management Service e também pode criptografar os resultados da consulta. O Athena também permite o acesso entre contas aos buckets do S3 de outro usuário.

Além disso, a Athena usa catálogos de dados gerenciados para armazenar informações e esquemas relacionados às suas pesquisas nos dados do Amazon S3.

Tipos de dados suportados e integração

A Amazon Athena conta com o mecanismo de consulta SQL de código aberto distribuído pela Presto para permitir análises rápidas ad-hoc e solicitações mais complexas, incluindo funções de janela, grandes junções e agregações . A Athena pode processar tipos de dados estruturados e não estruturados, incluindo formatos como CSV, JSON, ORC, Parquet e Avro. O Athena também suporta dados compactados nos formatos Snappy, Zlib, LZO e GZIP.

O Athena integra-se a outros serviços no portfólio da AWS. Por exemplo, você pode usá-lo com o Amazon QuickSight para visualizar dados ou com o AWS Glue para ativar recursos de catálogo de dados mais sofisticados, como repositório de metadados, esquema automatizado e reconhecimento de partições e pipelines de dados baseados em Python . A própria Athena usa o Amazon S3 como um armazenamento de dados subjacente, que fornece redundância de dados.

Está claro que a tecnologia em nuvem facilita de forma imediata a vida dos usuários e gestores de TI. Não é à toa que essa tecnologia passou de uma tendência para uma realidade que já está presente em todos os segmentos do mercado. Quer saber como sua empresa migrar para a nuvem? Clique no banner abaixo!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *